fotoenvelhecimento - o que é fotoenvelhecimento - causas do fotoenvelhecimento - como prevenir fotoenvelhecimento
Estética

Fotoenvelhecimento da pele: Conheça as causas e como evitá-lo

O sol exerce um papel importante para a saúde, contribuindo, por exemplo, com a produção de vitamina D. No entanto, a exposição excessiva e em horário inadequado pode causar o fotoenvelhecimento que consiste no envelhecimento prematuro da pele.

Além dos raios solares, o tabagismo, o estresse e poucas horas de sono são fatores de risco para o aparecimento de manchas, linhas de expressão e ressecamento da pele. A seguir, vamos aprofundar um pouco mais o tema para você saber como evitar o fotoenvelhecimento.

O que é fotoenvelhecimento?

Diversos agentes externos podem provocar o fotoenvelhecimento, mas a exposição ao sol está no topo dos fatores de risco. Isso acontece porque os raios UV são capazes de danificar as fibras de colágeno, assim como prejudicar a produção de elastina.

Essa condição resulta na produção de enzimas que, ao recuperar o colágeno e a elastina, faz isso de maneira inadequada. Assim a pele perde a sustentação e a elasticidade, favorecendo o aparecimento das rugas, manchas, ressecamento da pele, flacidez e linhas de expressão.

A formação de manchas, em especial, merece atenção redobrada, pois elas podem se tornar cancerígenas e, por consequência, causar o câncer de pele.

Os principais fatores de risco

Além da exposição excessiva ao sol também são considerados fatores de risco para o fotoenvelhecimento:

Estresse

Nessa condição há um total desiquilíbrio do organismo, causando interferências no processo de renovação da pele.

Poucas horas de sono

A privação do sono causa uma inflamação que pode interferir na produção de colágeno e, em longo prazo, contribuir para o fotoenvelhecimento.

Exposição aos raios emitidos em processo de bronzeamento artificial

Assim como o sol, o bronzeamento artificial também expõe a pele aos raios que podem danificar a produção de colágeno e elastano, fundamentais para uma pele jovem.

Tabagismo

A nicotina presente no cigarro pode diminuir a largura ou o calibre dos vasos sanguíneos, interferindo na oxigenação das células. Além disso, incide nas ligações cruzadas de elastina e interfere na produção da vitamina A, poderoso antioxidante.

Como evitar e/ou amenizar os sinais de fotoenvelhecimento

Para reduzir os efeitos do fotoenvelhecimento e até mesmo preveni-lo, existem algumas recomendações bem simples como:

  • Usar protetor solar todos os dias,
  • Proteger o rosto, orelhas, pescoço e mãos durante a exposição ao sol,
  • Usar óculos com lente Anti UVA,
  • Evitar a exposição ao sol entre 10h e 15h,
  • Beber ao menos dois litros de água por dia,
  • Consumir alimentos ricos em vitaminas A, C e E, minerais e ômega 3,
  • Usar hidratantes e antioxidantes na pele.

Além dos pontos acima existem diversos tratamentos estéticos são capazes de contribuir para a firmeza da pele e, nesse sentido, vale procurar uma clínica especializada para conhecer as opções.

Como mostramos neste artigo, o fotoenvelhecimento é o envelhecimento precoce da pele, causado especialmente pela exposição excessiva ao sol. Para reduzir os danos ou até mesmo evitar o problema são necessários cuidados especiais com a pele, como uso de protetor e hidratante todos os dias. Além disso, é importante não descuidar do sono, evitar o tabagismo e até mesmo investir em procedimentos estéticos.

Aproveite agora mesmo para conferir também o nosso artigo sobre o que causa e como evitar as estrias 

 

Como meditar sozinho: Aprenda dicas simples!

Artigo anterior

16 tipos de protetor solar e os seus benefícios

Próximo artigo

Você também pode gostar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *